São Paulo, 14 de junho de 2017

Covas participa do programa Metrópole em Foco

Mario Covas Neto participou nesta quarta-feira, 14, do programa Metrópole em Foco, transmitido pela Rádio Trianon. Na atração, o parlamentar, atualmente em seu segundo mandato como vereador de São Paulo, falou sobre sua relação com a política, iniciada quando o pai, Mario Covas, concorreu a um cargo público pela primeira vez.

“Eu tinha apenas dois anos, e passei a vida toda ao lado de quem viveu a política intensamente”, afirmou. Segundo ele, à exceção dos dez anos em que teve seus direitos políticos cassados pela ditadura, Mario Covas sempre esteve imerso na vida pública.

Questionado sobre ter o peso do nome do pai e atuar na mesma área, o vereador disse temer não corresponder ao legado deste, mas encara o desafio. “Depois do primeiro mandato, me sinto cada vez mais à vontade”.

Embalado pelos elogios de uma ouvinte, Covas relembrou os anos em que atuou como presidente da Comissão Extraordinária do Idoso e Assistência Social na Câmara Municipal. “Saí pois outras pessoas precisam atuar, mas tive um envolvimento muito grande com o colegiado. Lá elaborei projetos de lei, promovi ações e palestras… é muito bom receber uma resposta positiva até hoje”. Destacou ainda o envolvimento da população da terceira idade nas reuniões da comissão e sublinhou a importância dos cidadãos se envolverem na rotina do Legislativo. “Isso ajuda o vereador a trabalhar de uma forma melhor. Você é dirigido, pode debater e alcançar resultados mais eficientes”.

Situação do PSDB

Sobre o PSDB, partido do qual participou da fundação, o parlamentar sublinhou a necessidade deste retomar sua essência. “Nos últimos tempos, uma crise imensa de conduta atingiu o PSDB, inclusive o presidente nacional da sigla (o senador Aécio Neves). Isso nos torna igual aos demais partidos, e eu não trabalho para ser igual aos outros”, pontuou.

Finalmente, Covas afirma ter uma visão positiva do turbilhão político que acontece no Brasil nos dias de hoje. “Em um primeiro momento o povo perde a esperança, mas com o tempo faz uma depuração dos políticos. O país sairá disso fortalecido”.

Tags: , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *