São Paulo, 27 de outubro de 2017

Renovação à vista no PSDB municipal

Chapa sugerida contempla todas as forças políticas do PSDB na cidade, afirma vereador

Há dois anos e meio assumi o cargo de presidente do diretório municipal do PSDB-SP, do qual me despeço nos próximos dias. Foi um período de muito trabalho e de desgastes que envolveram crises internas e decisões que foram tomadas e nem sempre compreendidas. Sublinhe-se: decisões estas que buscaram encontrar soluções da maneira mais democrática possível.

Apesar dos problemas, que me fizeram entender o abatimento dos que me antecederam, posso afirmar que foi um mandato muito produtivo. A maior prova disso foi o processo de prévias para escolha do candidato a prefeito de São Paulo no ano passado. Trata-se da maior prática de democracia interna e com alegria posso dizer que o diretório municipal foi o patrocinador desse processo.

As prévias anteciparam o sucesso da eleição de 2016, que culminou na conquista da administração municipal ainda no primeiro turno, na ampliação da bancada de vereadores da Câmara Municipal e no crescente número de filiados (mais de 5.500 conquistados entre 2015 e 2017).

Com satisfação também posso dizer que liderei uma executiva municipal independente, que soube respeitar a hierarquia do partido sem se submeter aos interesses do Executivo, mas apoiando a administração João Doria.

Para as próximas eleições do diretório municipal do PSDB-SP, sugerimos uma chapa que contempla as forças políticas do partido na cidade. São 58 diretórios zonais, cada um com uma representação, uma vaga para os vereadores, uma para deputado estadual e uma para deputado federal, uma para o senador (todos que tenham domicílio na capital), uma para o governador, uma para o prefeito e outra para o vice-prefeito. Também os núcleos do partido e seus segmentos terão assentos. Dessa forma, tentamos atingimos a maior amplitude possível na representação no diretório e a partir dela, escolher a nova direção.

Por fim, desejo que o PSDB possa alçar voos cada vez mais altos em São Paulo e que eles sejam replicados em todo o Brasil.

Tags: ,

[manual_related_posts]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *