São Paulo, 14 de junho de 2018

Plenário: suspensão da lei que proíbe fogos de artifício ruidosos

Covas afirma que decisão do desembargador foi "solitária", e vai contra visão de dois órgãos públicos

Em pronunciamento feito no plenário da Câmara Municipal durante a sessão desta terça-feira, 12, o vereador Mario Covas Neto comentou a decisão de um desembarcador do Tribunal de Justiça de São Paulo em conceder uma liminar que suspende a lei que proíbe o uso de fogos de artifício ruidosos na cidade.

Assista:  

Tags: ,

[manual_related_posts]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *